Um bom currículo não precisa conter todos os passos de sua vida profissional. O ideal é ser objetivo e não gastar mais que duas páginas na sua apresentação, citando apenas as experiências mais importantes. Isso ajuda quem faz a seleção que precisa encontrar alguém , no meio de uma pilha de currículos, que se enquadre no perfil desejado. ISTOÉ consultou alguns dos melhores especialistas em recrutamento e chegou a um modelo considerado por eles ideal. Com isso, criamos uma planilha eletrônica. Basta preencher os campos (você não precisa completar todos) e imprimi-la no final. Os principais tópicos são: objetivo (sinteticamente, diga o cargo ou a função que pretende exercer), perfil (é o ponto alto, em que você deve fazer uma sinopse de sua formação – incluindo se fala ou estuda outros idiomas – e atuação profissional até o momento), experiência profissional (com os últimos postos que ocupou), especializações (se houver, acrescentar cursos, mestrado ou pós-graduação, por exemplo) e seus dados pessoais (apenas os mais relevantes). É simples,comece já e confira!

Para preencher o nosso cadastro gratuíto: clique aqui