13/05/1888 – Abolição da escravidão

Estou imaginando, se num quadro, um grande pintor pudesse retratar o trabalho, usaria o fundo branco, pura cor da paz, definindo que o trabalho é neutro, sem dono e sem Pátria, mas ao invés de assinar, acredito que deixaria cair algumas gotas de tinta vermelha como quem quisesse marcar a pior das vergonhas que o homem já fez em nome do trabalho: a escravidão.